Clinical Impressions

Mas Todos os Aparelhos Ortodônticos não s​ão iguais?

 

Convencional vs DamonQ

 

Braquete Convencional vs DamonQVocê deve conhecer o tratamento ortodôntico convencional como um processo onde você leva 2, 3, 4 ou mais anos de tratamento. Durante todos estes anos, você tem de ir pelo menos 1 vez ao mês para que o ortodontista faça os ajustes necessários e troque os arcos do seu aparelho. Um dos processos mais detestados deste tipo de tratamento são as bandas: anéis metálicos que são colocados nos dentes molares (os últimos de trás na boca) e que além de desconfortáveis, acumulam muito alimento e inflamam a gengiva. As visitas são acompanhadas de um período de alguns dias onde os dentes ficam extremamente sensíveis pelo ajuste.

Mas o processo hoje pode ser diferente

Que tal um tratamento onde você não precise ir todos os meses ao ortodontista? Em determinadas fases você pode espaçar suas consultas em 6, 8 ou 10 semanas. E o melhor: sem que o aparelho deixe de funcionar.

De acordo com um estudo do Dr. Tagawa em 50 dos seus primeiros tratamentos iniciados com Damon, ele percebeu que o tempo de tratamento médio com Damon foi de 20,3 meses. Uma redução de mais de cerca de 25% em comparação ao tratamento convencional de última geração que ele utilizava. Em conversas como ortodontistas do Brasil, o tempo médio fica acima de 36 meses de tratamento. Ou seja, no Brasil este tratamento significaria uma redução de mais de 40% no tempo.

Além disto, o Dr Tagawa percebeu que o alinhamento inicial dos casos com Damon acontecia em cerce de 3,2 meses, uma redução de quase 50% comparado com o sistema convencional.

O mais interessante: os tratamentos com Damon necessitavam de uma média de 16,2 visitas, uma redução de quase 50% com relação aos tratamentos anteriores. Compare com as cerca de 40 visitas que um tratamento convencional necessita no Brasil. Por isto que o tratamento com Damon consegue ser muito mais rápido e eficiente.

Hoje, mais do que nunca, o tempo é o ativo mais valorizado pelas pessoas. Imagine poder ser tratado em 16 visitas, 20 meses, e com um grau de conforto muito maior que no convencional.

Conforto? Sim! Em pesquisa com seus clientes, o Dr. Tagawa percebeu que os pacientes com Damon relatavam um grau de desconforto 70% menor!!!

E o melhor do tudo. Resultados Excepcionais. Avaliando seus casos, os resultados chegavam a um score de incríveis 3,6 de um total de 4 (avaliação com parâmetro usados pelo BOARD americano de ortodontia).

Em Resumo: Não mesmo! O tratamento ortodôntico mudou drasticamente nos últimos anos, e, agora, possuímos mais opções do que nunca. O aparelho tradicional tem diversos benefícios, mas será que é a melhor opção para você? Fale com seu ortodontista ou um dos Damon Doctors credenciados, ele irá recomendar o sistema que melhor pode lhe ajudar a alcançar seu objetivo.

 

FIGURA 2. ESTUDO COMPARATIVO DR TAGAWA

 

Damon Sistem 66 casos X Brackets Convencionais 66 casosMédia
convencional
Média
Damon
Mudanças
Numérica.
Mudanças
porcentual %
A. Tempo Total de Tratamento (meses)27.5  20,3   7.2  26.2
B. Número de Consultas3116.314.847,7
C. Intervalo entre Consultas (semansas)4-66-8--
D. Tempo de Alinhamento (meses)63.2-2.8-46.7
E. Desconforto do Paciente ( 0=baixo, 10=alto)

4

1,3-2,7-67.5

 

 


De acordo com o Dr. Tagawa, os objetivos do estudo foram o de comparar certos indicadores chave de tratamento com o Sistema Damon e o sistema convencional. O estudo contou com 66 casos tratados consecutivamente com o Sistema Damon (meus primeiros 66) e 66 pacientes consecutivos tratados com o sistema convencional.

 

A. TEMPO DE TRATAMENTO TOTAL. Definido como o tempo entre colagem inicial até o dia da remoção do aparelho.

 

O tempo total de tratamento com o Sistema Damon foi em média 7,2 meses mais curto que os pacientes tratados com o Sistema Convencional. O Sistema Damon levou em média 20,3 meses, versus 27,5 do Sistema Convencional, uma diferença de 26,2% (fig.3). 8 anos depois, com maior confiança e conhecimento no Sistema Damon, melhorias no design e uma maior disponibilidade de ferramentas a minha disposição, não apenas consegui melhorar ainda mais meu tempo de tratamento, como a quantidade de casos com extração diminuiu ainda mais. Por causa da adaptação transversal posterior do arco alcançada com o Sistema Damon, pacientes que tinham arcos desalinhados e que eram tratados com extração agora tem
maior possibilidade de manter todos os dentes.

 

 

 

B. NUMERO DE CONSULTAS. Definido como todas as visitas a partir da colagem até a remoção do aparelho, incluindo emergências.

 

Pacientes tratados com o Sistema Damon necessitam em média de 14,8 menos visitas que os tratados com o Sistema Convencional. Os casos com o Sistema Damon requerem uma média de 16,2 consultas versus 31 dos casos tratados com o Sistema Convencional ligado com amarrilho, uma diferença de 47,7%. Ao incorpor protocolos de tratamento específicos para o sistema auto-ligado passivo e agendamento corretos, estamos conseguimos reduzir ainda mais nosso numero de visitas, sem sacrificar a nossa qualidade de tratamento ou serviço aos nossos clientes. Alguns dos protocolos que achei mais importantes para ajudar a eliminação da quantidade de consultas foram:
- educar nossos pacientes a eliminar consultas que não sejam verdadeiras emergências (como arcos que pinicam na região posterior, por exemplo)
- colagem dos segundos molares superiores e inferiores na consulta de colagem dos brackets.
- usar .013 ou .014 Copper Ni-Ti para nivelamento inicial.
- Tomar uma radiografia panorâmica depois do último arco Copper Ni-Ti para reposicionar os brackets conforme necessidade, antes de ir para os arcos de aço inoxidável.

 

 

 

C. INTERVALO ENTRE VISITAS. Definido como o numero de semanas entre as consultas agendadas regularmente.

 

Quando comecei a conduzir o estudo, eu agendava visitas a cada 4 a 6 semanas para ambos os sistemas. Mas conforme o estudo continuava, eu aumentei o intervalo
entre as visitas dos casos com o Sistema Damon para 6 a 8 semanas. Hoje, com a baixa fricção inerente ao Sistema Damon, que permite a continua ativação dos arcos super elásticos, permitem que agendemos visitas a cada 10 semanas rotineiramente. De fato, estou considerando aumentar o intervalo para 12 semanas como vários dos meus colegas que usam Damon estão fazendo. Ao combinar o Sistema Damon com o agendamento correto, o consultório se torna muito mais eficiente, administrável e produtiva, e com redução do stress geral. Comparativamente com os anos que usei o Sistema Convencional de brackets, meu pessoal e eu:
- vemos 38% menos pacientes por dia, o que faz com que o agendamento seja muito mais conveniente para todos...

 

Leia na integra clicando no botão abaixo

BAIXE A CONCLUSÃO COMPLETA EM PDF

Ortodontia: De Bom para Excelente

Como se REENERGIZAR para 2019? XIX DamonSmile Simposio

A Ortodontia no ano de 2019

2019 tem sido um ano complicado, de maneira geral estamos vendo em certas áreas uma certa diminuição da procura de pacientes por aparelhos ortodônticos, porem compensada por outras onde a procura aumentou. A explicação lógica é que, dependendo da atividade econômica da área, a economia pode ter se retraído ou expandido. É uma lei do mercado. Outra maneira interessante de analisar estes números seria comparar a indústria no pais. Apesar da indústria automobilística ter caído a níveis de 10 anos atrás, a indústria de modo geral caiu apenas 1,2%.  Ou seja, uma área compensa a outra.

“Mas de maneira geral, existe um certo consenso que o pior já passou, e devemos estar entrando em um período de recuperação (lenta, mas muito, muito lenta…). O que também significa que está na hora de tirar a cabeça de dentro do buraco e começar a olhar, pesquisar, sentir o cheiro de novas oportunidades.”

Uma oportunidade interessante para ver tendências e oportunidades é o evento XIX Damon SMILE Simpósio, dia 31 de Maio em São Paulo.

Vai ser uma chance de encontrar pessoas muito bem-sucedidas na ortodontia, pessoas com alto grau de visão empresarial, e que se esforçam em diferenciar seu serviço, oferecendo o que existe de melhor para sua clientela.

Então, se eu pudesse listar os motivos mais importantes para não perder este evento, eles seriam:

  1.  Participar de um grupo focado no desenvolvimento do consultório pela oferta de um produto inovador e diferenciado, o Damon System.
  2.  Respirar parte deste ambiente, onde você poderá compartilhar e usufruir de ideias que podem lhe ajudar a alavancar sua clínica.
  3.  Melhorar sua compreensão da técnica, o que lhe permitirá terminar seus casos em menos visitas e menor tempo.
  4. O que melhora também sua capacidade de diferenciar sua clínica daquelas que cobram mensalidades por 3, 4, 5 anos de tratamento.
  5.  Aprender como a técnica lingual evoluiu nos últimos anos. Desde o sistema de brackets auto ligados, até o sistema de set up digital, com um sistema de transferência de colagem voltado a finalizar seus casos com o sistema de arco reto similar ao Damon System.
  6.  Se diferenciar é a regra do mercado, poder ofertar estes 2 produtos, Damon System e ALIAS Lingual vai ser a maneira de afastar a sua clínica do lugar comum para sempre.
  7.  No Pré simpósio, você poderá rever conceitos no curso de credenciamento ou aprender o técnicas avançadas como os apresentados pelo Dr Chris Chang com o uso de DATs de aço inoxidável.

Ou seja, se este ambiente não ajudar você a se REENERGIZAR, nada mais o fará.

Vai ser um evento incrível.Onde terá a oportunidade de se relacionar com este grupo, criar novas amizades e ganhar experiência. Consideramos este como um momento TURBO de aumento de conhecimentos.

Caso precise de maiores informações, por favor não hesite solicitar.

Ab

Carlos Miqui